Social
Em Sines surfistas em protesto pela preservação da onda de São Torpes

Em Sines surfistas em protesto pela preservação da onda de São Torpes

Obras no Porto de Sines podem prejudicar as ondas locais: Os surfistas de Sines marcaram para o próximo dia 14 de fevereiro um “protesto simbólico” que visa lutar pela preservação da praia e da onda de São Torpes e alertar para o impacto que poderá resultar da expansão do terminal de contentores, segundo informação divulgada pela agência Lusa.

“O evento não é contra o crescimento do porto de Sines, mas pela preservação das ondas e da areia”, afirma à Lusa Pedro Jorge, um dos organizadores do protesto e proprietário de uma escola de surf na zona, afirmando ainda que o estudo de impacte ambiental realizado, e que esteve em consulta pública em dezembro, “não é claro”.

A associação SOS – Salvem o Surf já pediu à APA para “reprovar” o estudo de impacte ambiental (EIA), com base na existência de “diversas falhas muito graves”. Em comunicado, a organização de cariz ambiental aponta, entre outros problemas, a inexistência de “alternativas para a expansão” do Terminal XXI “que não incluam a extensão do molhe Leste”.

A terceira e quartas fases do projeto de expansão do terminal de contentores do porto de Sines encontra-se em avaliação de impacte ambiental e a respetiva declaração, que pode ser favorável, condicionalmente favorável ou desfavorável, deverá ser emitida, pela Agência Portuguesa do Ambiente (APA) ou pelo secretário de Estado do Ambiente, até dia 20 deste mês.

Fonte: Surf Portugal

Deixe um Comentário