Social
Regresso ao mar será faseado nos Açores

Regresso ao mar será faseado nos Açores

A permissão de prática desportiva no mar nos Açores será faseada e dependerá de ilha para ilha. De acordo com informação colhida pelo Açoriano Oriental junto de fonte da Secretaria Regional do Mar, Ciência e Tecnologia, os surfistas, bodyboarders e outros praticantes de desportos marítimos vão ter de esperar para retomar a atividade.
Em Portugal continental o plano de desconfinamento apresentado pelo Governo da República prevê que a partir de amanhã, segunda-feira, já seja permitida o acesso às zonas balneares, sem a utilização de balneários. Esta foi uma das medidas que constam do plano de desconfinamento aprovado quinta-feira em Conselho de Ministros quanto à transição do estado de emergência, que cessa este domingo, para o estado de calamidade.
Ora, nos Açores, o acesso às zonas balneares decorre do plano de levantamentos de medidas apresentadas na quinta-feira pelo presidente do Governo Regional dos Açores, Vasco Cordeiro. No entanto, as medidas só entram em vigor após publicação no Jornal Oficial, o que deverá acontecer amanhã, segundo fonte governamental.
Assim sendo, Santa Maria, Flores e Corvo são as primeiras ilhas onde a proibição vai cessar, a partir do dia 6 de maio, em virtude de não registarem qualquer caso de infeção por Covid-19. Seguem-se as cinco ilhas do Grupo Central (Faial, Pico, São Jorge, Terceira e Graciosa), a 18 de maio; e, por último, a ilha de São Miguel, a 25 de maio. 

Autor: Açoriano Oriental/Nuno Martins Neves/LUSA

Deixe um Comentário