Social
Sofia Ribeiro vice-presidente para as regiões ultraperiféricas do intergrupo “Mares, Ilhas, Rios e Zonas Costeiras”

Sofia Ribeiro vice-presidente para as regiões ultraperiféricas do intergrupo “Mares, Ilhas, Rios e Zonas Costeiras”

A Eurodeputada Sofia Ribeiro foi indicada esta manhã em Estrasburgo como vice-presidente do Intergrupo “Mares, Ilhas, Rios e Zonas Costeiras”, com o pelouro das Regiões Ultraperiféricas, tendo considerado que esta “é mais uma boa oportunidade para colocar no centro das discussões o conceito da ultraperiferia, que tem sido muitas vezes posto em causa a nível das instituições europeias”.

Este Intergrupo reveste-se de particular importância para os Açores, uma vez que pretende constituir-se como um lóbi e grupo de pressão sobre o Parlamento e Comissão Europeia, na defesa dos assuntos marítimos, ilhas e zonas costeiras. Neste sentido a Eurodeputada Sofia Ribeiro referiu que “fui uma das primeiras apoiantes da criação, nesta legislatura, deste intergrupo e reconhecendo a sua importância para a nossa Região, desde a primeira hora mostrei a minha total disponibilidade para colaborar no seu sucesso e nas suas acções”.

Na primeira reunião deste grupo que teve lugar esta manhã em Estrasburgo, foram definidos os seus órgãos dirigentes. Na sua intervenção, Sofia Ribeiro alertou para a necessidade de se “distinguir entre ilhas europeias e Regiões Ultraperiféricas da Europa. O tratado da União Europeia, no seu artigo 349º é bem explícito sobre as singularidades das RUP” tendo acrescentado ainda que “espero que este grupo se possa dedicar em concreto às questões das Regiões Ultraperiféricas, considerando as suas especificidades a todos os níveis, como a sua zona económica exclusiva, o crescimento azul, a economia do mar, entre outros”, tendo refutado que as RUP ficassem incluídas na designação de ilhas em geral.

A finalizar a sua intervenção e à saída da reunião, a Eurodeputada Sofia Ribeiro referiu que “na sequência da satisfação apresentada pelo Governo Regional dos Açores aquando da criação deste intergrupo, julgo que ao assumir a sua vice-presidência para as RUP, poderemos ter aqui mais um fórum de defesa dos nossos interesses e de promoção das nossas potencialidades. Aliando este intergrupo com a Presidência da Conferência das Regiões Periféricas Marítimas (CRPM), cujo presidente é Vasco Cordeiro, antevejo muitas e boas iniciativas para os Açores em diversas áreas, mas especialmente nos assuntos marinhos e marítimos“.

Fonte: O Baluarte

Deixe um Comentário