Social
O meu primeiro barco

O meu primeiro barco

Devido ao pedido do participante deste site, que se intitula de Jovem Mestre, lançamos este tópico para discussão.

Este Jovem Mestre gostava de ter o seu próprio barco. Quais são os apoios a que tem direito e até que ponto esta iniciativa será viável, tendo em conta os tempos que correm?

Qual é o futuro dos jovens armadores e pescadores açorianos? Val a pena os jovens investirem no sector das pescas?

Qual a sua opinião nesta matéria, tendo em conta os actuais incentivos regionais por parte da Secretaria Regional das Pescas?

19 Comentários neste artigo

  1. blank

    Que palhaçada
    ó Pereira se eu penso que tu és hahah és um expert na matéria das pescas!!!! ,nao foste tu que foste buscar um barco que nada percebes de pesca e que deu em nada !!!conduz mas é os autocarros e deixa-te de inteligências artificiais
    jovem mestre por esta altura se adquiriste o barco já deves estar a tremer nas contas do banco aguentaaaaa!!

    Responder
  2. blank
    jovem mestre

    bem…a minha ideia quando pedi para abrir o topico nao era para discutir as leis do palangre mas sim discutir se é fiavel ou nao investir hoje em dia na pesca…
    A gerra entre barcos a pescar com linha de mao e palangreiros ja é antiga e vai durar muitos anos!
    Ja a mais de um ano que nao escrevia nada por aqui…segui em frente e neste momento ( ja desde janeiro ) estou a tratar da documentaxao para a compra do meu primeiro barco… E nao! Nao é um palangreiro!

    Responder
  3. blank

    sr, pereira e que sabe

    Responder
  4. blank
    rogerio neves

    srº pereira deve estar enganado acerca da minha pessoa só pode …por acaso conhece-me de algum sitio …deve estar a me confundir com outra pessoa e esta a dizer coisas que são totalmente falsas “EU SEI PERFEITAMENTE QUE VOCÊ ESTÁ CONTRA A IMPLEMENTAÇÃO DAS 3 MILHAS,VOCÊ QUERIA QUE SE DEITA-SE O PALANGRE” viu em algum comentário onde eu digo isto??….caro nao me interprete mal está de novo a individualizar a situação ,nao estou aqui para esclarecer nada ,isto aqui nao é bate boca e em vez de criticar poderia ajudar a resolver com opiniões construtivas …por isso digo mais uma vez os pescadores não são unidos …boas pescarias

    Responder
  5. blank

    MEU CARO….CLARO QUE COMPREENDI O QUE VOCÊ DISSE DESDE O PRINCÍPIO E TAMBÉM O QUE VOCÊ DEFENDE, COMO DIZ”de acordo com a politica que está implantada nos Açores e devido às condições atmosféricas”..EU SEI PERFEITAMENTE QUE VOCÊ ESTÁ CONTRA A IMPLEMENTAÇÃO DAS 3 MILHAS,VOCÊ QUERIA QUE SE DEITA-SE O PALANGRE JUNTO À COSTA COMO ACONTECIA ANTIGAMENTE POR ISSO DESTRUIRAM-SE OS RECURSOS EXISTENTES,DIGO-LHE QUE SE ESTA POLITICA TIVESSE SIDO CONCRETIZADA Á MAIS ANOS ,SE CALHAR OS NOSSOS RECURSOS ESTAVAM MUITO MELHOR …..EPÁ E FICO-ME POR AQUI , SINCERAMENTE PENSO QUE OS LEITORES FICARAM ESCLARECIDOS SOBBRE AS SUAS E AS MINHAS OPINIÕESE NÃO ME APETECE ALONGAR MAIS…TERMINADO…….PASSO CANAL 16……………

    Responder
  6. blank
    rogerio neves

    OOOHH senhor pereira voçe ainda nao percebeu que esta a individualizar a situação???estamos a discutir possivéis soluçoes ,e nao a discutir o que um faz ou deixa de fazer!!! …caro dei uma opinião acerca dos palangreiros ,que acho que é que vai ser o futuro ,dado que de acordo com a politica que esta implantada nos açores e devido as condições atmosféricas os palangreiros presentemente não tem condições de ir para os bancos dado que nao tem dimensões de segurança para assim puderem trabalhar com maus tempos ,casos dos palangreiros de menor dimensão.entao a solução passa para quem quer andar ao palangre apretecharem-se com barcos maiores para assim andarem nos bancos e nao andarem a surrupiar as costas das ilhas açoreanas que é o que acontece com os palangreiros de menor dimensão que vem de outras ilhas para pescar na costa …Percebeu agora srº pereira a dica ???

    Responder
  7. blank

    OH SENHOR ROGÉRIO NEVES MAS EU DEI-HE DICAS E TAMBEM SOLUÇÕES: VOU REPETIR NOVAMENTE:APROVEITE O NOVO QUADRO COMUNITÁRIO….ABATA O SEU PALANGREIRO….COMPRE UM BARCO MAIOR(NAVIO FÁBRICA)…..QUAL FOI A PARTE QUE NÃO PERCEBEU DA DICA QUE LHE DEI?????

    Responder
  8. blank

    OHHHHH…..SR.ROGÉRIO…O SR. VEM COM + DE UM ANO DE ATRASO(SE CALHAR SÓ AGORA CONHECE A PÁGINA)..OLHE APROVEITE O NOVO QUADRO COMUNITÁRIO….ABATA O SEU PALAGREIRO(PENSO QUE DEVE TER UM)E COMPRE UM NAVIO FÁBRICA, DAQUELES BEM GRANDES, AGORA QUE NÃO PODE PESCAR NO CONDOR , PESCARÁ + FORA….HEHEHHEHE

    Responder
    • blank
      rogerio neves

      ohhhhh sr pereira penso que nunca é tarde demais para abrir as mentalidades !!!e nao estou a aqui a tirar diferenças nem a optar por a ou b os pescadores sao todos iguais vivem todos do mar temos é que saber respeitar e ser respeitados ,e arranjar soluções e nao comentários como o srº pereira faz ,dê dicas ,soluções meu caro,se nao consegue arranjar soluções nao critique …

      Responder
  9. blank
    rogerio neves

    amigo jovem mestre é com estes actos e pensamentos que o pescador nunca vai a lado nenhum ,temos que alertar e ja referi que todos são pescadores independentemente do tipo de pesca que faz …referes que uma mbarcação de palangre de fundo nao lhe deixou pescar!!!porque largaram o aparelho perto da tua zona de pesca ,mas também ja ouvi palangreiros a se queixar que ou uma linha ou o ferro de apoitar enroscou na retenida ou no aparelho de palangre …nao podemos criar uma luta entre os pescadores ,nem criar classes de pescadores,devemos unir forças e lutar pela melhoria de condições .porque todos vivemos do mar .sobre o tópico penso que da maneira que estao as coisas isto ta a voltar para tras ou seja barcos de pequena dimensão com duas tres pessoas a bordo ,estes milhoes da cee so modificaram o aspecto dos barcos ,mas o tipo de pesca e o tamanho dos barcos sao os mesmos …hoje me dia pelo que se vê os palangreiros mais pequenos vao acabar por deixar de existir porque quando está ventos mais frescos ja nao podem sair para os bancos e vão fazer como os palangreiros ,lajes do pico e o mestre bobicha que compram o seu peixe e voltam a vender em espanha .
    adiquirir um barco neste momento ..ou adiquiria um barco que me permitisse andar nos bancos com segurança e condições a bordo e que me permitisse ir vender esse pescado a espanha..ou entao optar por um barco de 8 a 10m cabinado para pescar a linha de mão..mas barcos de 11 a 16m nesta altura nao são bons de comprar

    Responder
  10. blank
    MACIEIRA

    Amigo é a vidqa…aprende a viver com isso e cá nos Açores tens é muita sorte que no continente há muito mais empacho…

    Responder
  11. blank
    Jovem Mestre

    Estou de volta… pesso desculpa pela demora mas tenho estado para o mar… a pesca desta vez nao rendeu muito visto que umas certas e determinadas embarcações com o seu palangre de fundo não me deixaram pescar so faltava deitarem o aparelho dentro do meu porão… e é com atitudes destas que eu penço se valerá mesmo apena investir num barco

    Responder
  12. blank
    Resendes

    Um conselho amigo Jovem Mestre, ter um negocio não é só comprar o barco e perceber de peixe, é muito importante ter um pouco de empresário, hoje o ganho não está só no que se vende mas sobretudo, no controle de custos e também como é gasto o dinheiro que cada qual ganha. E vai uma aposta que o Sr. vai mudar a sua forma de pensar em relação aos armadores, quando voce se tornar num.

    Responder
  13. blank
    PEREIRA

    OH HOME, TU AFINAL NÃO QUERIAS O BARCO NÃO ERA PARA DEIXAR DE DAR DE MAMAR AO ARMADOR??TU FIZES-TE 7000€ EM DUAS VIAGENS (COM 2 HOMENS)E TÁS À ESPERA DE QUÊ?COMPRA LÁ MAS É O BARCO E DEIXA OS OUTROS QUE SÓ SABEM É CHORAR, VAI MAS É PARA O MAR QUE O QUE NÃO FALTA É PEIXE, QUANTO AOS OUTROS, SE A PESCA NÃO DÁ DEIXEM DE CHORAMINGAR E DEDIQUE-SE À LAVOURA OU ENTÃO ABRAM UMA EMPRESA DE TAKE AWAY, PODE SER QUE NESSAS ACTIVIDADES ENRIQUEÇAM, MAS POR FAVOR DEIXEM É DE CHORAMINGAR!

    Responder
  14. blank
    antónimo do gelo

    CERTO….

    Responder
  15. blank
    Jovem Mestre

    Eu acho que assima de tudo temos de adoptar politicas de prevenção do nosso mar… cenas como se viram a uns anos em são miguel em que o governo pagava aos pescadores para apanharem chixarro para deitar no lixo é um crime, deviam ser todos presos… temos de ter conciencia da fragelidade dos nossos mares

    Responder
  16. blank
    antónimo do gelo

    pois…pensei que ia haver um esclarecimento da APEDA nas questões a cima referidas que seriam… um protocole de uma embarcação….mas … por mim acho que sim temos que nos esforçar para que este sector não seja só trabalhada pelos mais velhos mas sim por jovens com vontade….

    Responder
  17. blank
    armador

    Boas acho que o futuro da pesca depende dos jovens mas as politica de pescas praticada em portugal nada ajuda um jovem vir para mar se sacrificar e empatar a a sua vida ao mar por desde autoridades marítimas e secretarias de pesca cada vez mais a entraves na pesca na minha opinião o ramo da pesca e o mais complicado para investir

    Responder
  18. blank
    Jovem Mestre

    Desde já agradeço aos responsaveis do site por terem aberto o topico.

    E já agora Fica aqui um primeiro tema para debate…

    Valerá mesmo apena a compra de um Barco?

    Responder

Deixe um Comentário