Social
Odemira assina protocolo para implementar venda direta entre pescadores e consumidores

Odemira assina protocolo para implementar venda direta entre pescadores e consumidores

O Protocolo de Cooperação entre a TAIPA – Organização Cooperativa para o Desenvolvimento Integrado do Concelho de Odemira, a Associação Cultural e de Desenvolvimento de Pescadores e Moradores da Azenha do Mar, Município de Odemira e a Docapesca Portos e Lotas, no âmbito do projeto de valorização do peixe da pesca de pequena escala denominado “Cabaz do Mar”, vai ser assinado hoje, dia 28, às 15h00, no Salão Nobre dos Paços do Concelho de Odemira. 

Trata-se do projeto «Cabaz do Mar», que pretende levar o melhor pescado da costa odemirense diretamente ao consumidor, numa lógica de proximidade e confiança.

«A pesca de pequena escala em Azenha do Mar tem potencial para possibilitar um rendimento condigno aos produtores, oferecendo pescado fresco e de qualidade a preços acessíveis aos consumidores», salienta a Câmara de Odemira.

Esta nova forma de comercialização do pescado, inovadora em Portugal, permitirá reduzir o circuito comercial entre produtor e consumidor (num aumento previsível do rendimento dos pescadores e numa previsível redução do preço final no consumidor) e permitirá reduzir as rejeições das capturas, aumentando a variedade da oferta ao consumidor e diminuindo os impactos negativos da atividade piscatória no ambiente.

O projeto será implementado pela Associação Cultural e de Desenvolvimento de Pescadores e Moradores da Azenha do Mar, que assumirá a prioridade da compra do pescado aos sócios aderentes na primeira venda em lota, a organização dos cabazes e o seu transporte e venda nas condições adequadas de higiene e segurança aos consumidores que subscrevam o Cabaz do Mar.

A periodicidade de distribuição será de acordo com o solicitado pelo consumidor e de acordo com as condições do mar. 

Fonte: Sul Informação

Deixe um Comentário