Social
Comer peixe aumenta esperança de vida dos mais idosos

Comer peixe aumenta esperança de vida dos mais idosos

As pessoas com mais de 65 anos que têm altos níveis de ómega-3 no sangue vivem em média mais 2,2 anos do que as que têm taxas mais baixas deste ácido gordo, encontrado nalguns peixes como o salmão.

A descoberta foi feita por investigadores da Universidade de Harvard (Massachusetts, nordeste) e da Universidade do Estado de Washington (noroeste) e integra um estudo divulgado na segunda-feira na edição digital da revista Annals of Internal Medicine.

Os cientistas, que avaliaram os efeitos potenciais de um consumo regular de peixe em relação a várias causas de mortalidade, calculam que aquelas pessoas podem reduzir o risco de mortalidade em 27 por cento, ou mesmo cerca de 35 por cento no caso de doenças cardiovasculares.

Os autores do estudo procuraram clarificar os efeitos do ácido gordo na saúde, analisando biomarcadores no sangue de adultos que não tomavam complementos de ómega-3.

Foram analisados 16 anos de estatísticas, relativas a cerca de 2.700 pessoas nos Estados Unidos com mais de 65 anos que participaram num estudo a longo prazo sobre a saúde cardiovascular conduzido pelos Institutos Nacionais de Saúde.

Fonte: Diário de Notícias

Deixe um Comentário